"O Mar"


Semelhante a algum monstro, quando dorme
O Mar... Era sombrio, vasto, enorme...
Arfando demorado,

Imenso sob os Céus!

Tal imenso e sombrio o mar seria
E assim, em vagas tristes arfaria

No tempo em que o espírito de Deus
Sobre ele era levado!

 

 

Autor: Ângelo de Lima (1872-1922)
Editado por: nicoladavid

Não esqueça ligar o som.
 
Comments