No mundo nom me sei parelha

 

No mundo nom me sei parelha,
mentre me for como me vai;
ca ja moiro por vós, e ai!,
mia senhor branca e vermelha,
queredes que vos retraia
quando vos eu vi em saia?
Mao dia me levantei,
que vos entom nom vi feia!


E, mia senhor, des aquelha,
me foi a mi mui mal di'ai!
E vós, filha de Dom Pai
Moniz, en bem vos semelha
d' haver eu por vós garvaia?
Pois eu, mia senhor, d'alfaia
nunca de vós houve nem hei
valia d'ua correia!

 

Autor: Paio Soares Taveirós (Séc. XIII)
Editado por: nicoladavid

Comments