Infelizmente, Falharam As Fotografias

 

Infelizmente, falharam as fotografias,
e, assim, não me poderás ver diante do asceta
de roupa vermelha, à sombra do arco.


E assim não poderá ler na sua face:
“Que dizer, para que se entendesse...?


Nem poderás ler na minha:
“Tudo entendido. Não se precisa dizer nada.”


Mas as fotografias falharam.
E aquele momento já fugiu para trás, no caminho do tempo.
Aquelas duas sombras foram ficando cada vez mais longe.
A compreensão, que perdura, é sem retrato. 



Autora: Cecília Meireles (1901-1964)
Editado por: nicoladavid

Comments