Literatura‎ > ‎Obras de João Melo‎ > ‎

"Repouso"


(tuas asas silentes levemente pousam 
sobre meus olhos 
e encobrem meus medos) 

lá fora é a rua; 
há um grito de cal 
estridente como uma buzina 
e cabeças passam 
esfaqueadas pelo sol 

aqui - tuas asas 
enormes e vaporosas 
apaziguam o clima... 

há uma guerra lá fora; 
o nosso amor contra a guerra? 
- sangue jovem de pé 
pelo nosso amor  
 

ah, tuas asas tranqüilas me protegem; 
deixei de escutar as bombas ... 
   

quando sair, amor 
estarei mais forte para a batalha.
 
 
 

Autor: João Melo
Editado por: nicoladavid

 
 
Comments