"Amor"



Um amor bem verdadeiro,
uma vida bem íntima com uma mulher,
a quem se queira como amante,
que se estime como irmã,
que se venere com mãe,
que se proteja como filha,
é evidentemente o destino mais natural ao homem,
o complemento da sua missão na terra.

Autor: Júlio Dinis (1839-1871)
Editado por: nicoladavid

 

Comments