Ao Menino-Deus nascido

 

Não choreis, belo Menino,

Se de amante vos prezais,

Porque amor que chora mais

É sempre amor menos fino:

Limpai o rosto divino,

A quem a minha alma adora,

Que se vossa Mãe vos chora,

Meu Deus, com tantos rigores,

É porque ao nascer das flores,

Costuma chorar a Aurora.

 

Autor: Jerónimo Baía (1620/30-1688)
Editado por: nicoladavid

Comments