Noturno do Andarilho

 

Em todos os cumes:

sossego.

Em todas as copas

não sentes

um supro, quase.

Os passarinhos calam-se

na mata.

Paciência, logo

sossegarás também.

 

Autor: Johann Wolfgang von Goethe (1749-1832)
Editado por: nicoladavid

Comments