"Comigo"


Eu levo cá comigo
tanto olhar amigo
que já me mirou.

Levo também as tardes abafadas,
as manhãs de geada,
a flor que já murchou.

Eu levo em mim tanta lembrança cara,
as ruas de Taquara,
o pôr-do-sol do Sul;

Levo no peito, para que me integre,
o andar de Porto Alegre,
uma bandeira azul...

Levo comigo a infância saudosa,
vivida em verso e prosa
às margens do Chuí.

Levo a certeza de que a Deus pertenço,
a liberdade com que sempre penso,
os bons exemplos com que convivi.

Levo comigo a nostalgia aguda
e essa saudade absurda
de tudo o que passou;

Eu levo em mim a influência eterna
da família terna
que me fez quem sou.

Autora: Ivana Schmitz Kennedy
Editado por: nicoladavid


Comments