Os invisíveis átomos do ar

 

Os invisíveis átomos do ar

ao redor palpitam e se inflamam,

o céu desfaz-se em raios de ouro,

a terra se estremece alvoroçada,

ouço flutuando em ondas de harmonias

rumor de beijos e bater de asas,

minhas pálpebras se fecham ... Que sucede?

É o amor que passa!

 

Autor: Gustavo Adolfo Bécquer (1836-1870)
Editado por: nicoladavid

Comments