Mater Dolorosa

 

Nossa Senhora das Dores...

Ó doce Mãe de Jesus!

Sois mártir – mártir de amores –

Se sofrestes mil horrores

Ao ver o Filho na cruz!

 

Sete lâminas de espadas

Entraram no vosso peito,

Nuas, frias, aguçadas,

Horrivelmente a direito!

O coração as sentiu:

Rosa de sangue se abriu,

Abrindo por todo o peito.

 

Dessa rosa foi o pranto

A chuva que alimentou

Suas pétalas de encanto!

 

Depois de tantos horrores

Os olhos não tinham brilho.

Ressuscita o Vosso Filho...

E em Vossos olhos fulgores...

Salve, Senhora das Dores!

Autor: Gentil Valadares (1916-2006)
Editado por: nicoladavid

 
Comments