Distância


Recordações de auréolas
no espelho do céu se envolvem
em louros de espuma
deslizando sobre facas brilhantes.
no amanhecer deste silêncio frustrante.
Camisa lavada com sabão de dor
estendida ao sol.

Água salgada atropelando
a distância entre duas vozes,
e o som de um lago vazio
se alongando no peito.

Distância entre um beijo de despedida
e um olhar orvalhado.
Tudo
o resto ficará
vertido num lenço branco.
Depois de lavado
estender-se-á ao sol...

Autor: Eduardo Bettencourt Pinto
Editado por: nicoladavid


Comments