Gula

 

Uivam as suas maldições

as insidiosas hienas

própria sanha.

 

Rituais de tão escabrosa gulodice,

que até nos esfomeados aldeões da tragédia,

a gula das quizumbas

se baba nas beiças das catanas,

dos machados.


Autor: D. Afonso X, ‘Rei de Leão e de Castela’ (Séc. XIII)
Editado por: nicoladavid

Comments