Comédia Humana

 

Literatos! Chorai-me, que eu sou digno

Da vossa gemebunda e velha táctica!

Se acaso tendes crimes em gramática,

Farei que vos perdoe o Deus benigno.

Demais conheço a prosa inflada, enfática,

Com que chorais os mortos; e o maligno

Desafecto aos que vivem… Não me indigno…

Sei o que sois em teoria e em prática.

Quando o avô desta vã literatura

Garret, era levado á sepultura,

Viu-se a imprensa verter prantos sem fim…

Pois seis dos literatos mais magoados,

Saíram, nessa noite embriagados,

Da crapulosa tasca do Penim.

 

Autor: Camilo Castelo Branco (1825-1890)
Editado por: nicoladavid

Comments