"Prelúdio"


Passei, olhou... - não sucedeu mais nada.

Tarde ao serão, no familiar cantinho,

pensei de novo, um pouco interessada,

naquele olhar, seguindo o seu caminho!

 

Ao outro dia, eu estava debruçada

a ver o azul do mar sereno e liso ...

- passou! - Olhei ... não sucedeu mais nada ...

- mas de então na minh'alma alvoroçada,

porque anda o choro a batalhar com o riso?!

 

Autor: Branca de Gonta Colaço (1880-1945)
Editado por: nicoladavid




Comments