Elogio do Comunismo

 

Ele é razoável.
Todos o compreendem.
Ele é simples.
Você, por certo, não é nenhum explorador.
Você pode entendê-lo.
Ele é bom para você.
Informe-se sobre ele.
Os idiotas dizem-no idiota e os porcos dizem-no porco.
Ele é contra a sujeira e contra a estupidez.
Os exploradores dizem-no um crime,
mas nós sabemos que ele é o fim dos crimes;
ele não é a loucura e sim o fim da loucura.
Não é o caos e sim uma nova ordem.
Ele é a simplicidade.
O difícil de fazer.

Autor: Bertolt Brecht (1898-1956)
Editado por: nicoladavid

Comments