Maria

 

Essa, que às leis universais se exime,

E dos erros de Adão não se ressente;

Que os pecados afasta, e afasta o crime,

E transforma em sorriso a dor ardente;

 

Essa, que o Bem resume, a Luz exprime,

E alegra o coração de toda a gente,

É a Virgem, Mãe de Deus, mulher sublime,

Que a Divina Justiça faz clemente.

 

Linda flor, divinal, mimosa e pura,

Obra-prima da Graça e da Beleza,

Maravilha da Arte e da Natura;

 

Palpitante sacrário, pequenino

Templo feito de carne e de pureza,

Onde andou a sorrir um Deus Menino...

Autor: Berilo Neves (1899-1974)
Editado por: nicoladavid

Comments