Ode

 

Rio de cristal
sorriso e lágrima
canto e mágoa
água água água

teu brotar a vida acalenta
teu cantar as almas dessedenta
teu jorrar é o pulsar do coração
pérola de orvalho brilho solar
flor em botão

vida a nascer de entre as fragas
doce e cristalina voz
fonte de alegria
tua ausência faz de nós
pedras amargas
natureza morta e fria

canção que o deserto chora
benção que a terra implora
água água água

tua limpidez é a face da alegria
tua frescura é corpo e ânfora
saúde e prazer
tua fluidez é boca e lábio a afagar
o gesto o verbo a arte de amar

rio de cristal
sorriso e lágrima
canto e mágoa
água água água


Autor: André Moa
José Guilherme Macedo Fernandes”
(1939-2011)
Editado por: nicoladavid

Comments