Florestas com luas d'água

 

Nem todas as florestas são espaços
povoados de sátiros duendes
lobisomens tarântulas papões
fadas más temores assombrações.
Há florestas com luas de água
cascatas feitas de mil cores
virgens escondidas no arvoredo
desejosas de se dar mas com pudor
e algum receio de mostrar
seu corpo doce
boca e seio.
Há florestas feitas de promessas
onde tudo se adivinha e se acalenta.
Há florestas que nascem e crescem
no mais profundo e tranquilo mar.
Há florestas que são jardins suspensos
édens de sonho a flutuar.
Há florestas de sentir
florestas por vir e por haver
florestas construídas de água e luz
húmidas cores
sedutoras ilhas dos amores.
Há florestas que não são de ver
com olhos que a terra há-de comer
mas com os olhos do imaginar
florestas que são
futuros projectados no futuro
luas cadentes
lágrimas candentes
florestas que são terra céu e mar
a descobrir a inventar
que só existem porque existe
a sagrada humana força de criar.


Autor: André Moa
José Guilherme Macedo Fernandes”
(1939-2011)
Editado por: nicoladavid

 
 
 
Comments