Literatura‎ > ‎Obras de Ana Saraiva‎ > ‎

"Agenda..."


a espera gelou à espera de esperar
o mundo fez-se branco
depois transparente
depois inexistente
e acabou por acabar à espera de esperar
o tempo passou
passou tanto que acabou
ainda ficou um silêncio
mas sucumbiu
a um pássaro que tinha de voar

Autora: Ana Saraiva
Editado por: nicoladavid



Comments