Flor Singela

    (No álbum de S. A. A. S. S. I. D. A. J. M.)

 

Linda flor que nos jardins

Força de arte cultivou,

Tem dobrada a folha, o cheiro,

Mas de fruto se privou.

Passa abelha diligente,

E admirou tanto primor:

Mas para os favos o néctar,

Vai buscá-lo a outra flor.

Singelinha de três folhas

Coa mosqueta deparou,

E em seu cálix meio aberto

Oh que tesouro encontrou!

Como a abelha diligente

Que busca a singela flor,

Um singelo coração

Também só procura amor,

 

 

Autor: Almeida Garrett (1799-1854)
Editado por: nicoladavid

Comments