Má consciência

 

O adjectivo
Dá-me de comer.
Se não fora ele
O que houvera de ser?

Vivo de acrescentar às coisas
O que elas não são.
Mas é por cálculo,
Não por ilusão.

Autor: Alexandre O’Neill (1924-1986)
Editado por: nicoladavid

Comments