Laços

Eu prefiro os laços firmes. Aqueles mais difíceis de se fazer e de se desfazer, mas que quando feitos e depois desfeitos podem-se orgulhar de si próprios e falar com convicção “Eu fui um grande laço”.

- Laços não falam... Muito menos com convicção.

- Mas eu falo! Falo sobre temas variados. Posso dizer todos os motivos que uma menina tem pra não chorar em ordem alfabética. Ou recitar um poema de amor. Ou contar uma piada. Posso dizer que é bobagem chorar por laços que parecem desfeitos, mas que continuam firmes. Alguns laços são teimosos. Às vezes a gente pensa “Puf, lá se foi ele.” Mas ele vai estar sempre ali... Que nem alguns amores..."

 

Autora: Adriana Falcão
Editado por: nicoladavid


Comments