"A Festa, O Álcool e depois... A Morte"

A Festa,  O Álcool  e depois... A Morte

Fui à festa, mãe. Fui à festa, e lembrei-me do que me disseste.

Pediste-me que eu não bebesse álcool, mãe...

Então, bebi uma 'Sprite'. Senti orgulho de mim mesma, exactamente o modo como me disseste que eu me sentiria. E que não deveria beber e de seguida conduzir.

Ao contrário do que alguns amigos me disseram. Fiz uma escolha saudável, e o teu conselho foi correcto.

Quando a festa finalmente acabou e o pessoal começou a conduzir sem condições, fui para o meu carro, na certeza de que iria para casa em paz...

Eu nunca poderia esperar... Agora estou deitada na rua e ouvi o polícia dizer: 'O rapaz que causou este acidente estava bêbado'.

Mãe, a voz parecia tão distante... O meu sangue está por todo o lado e eu estou a tentar com todas as minhas forças não chorar... Posso ouvir os paramédicos dizerem:
'A rapariga vai morrer'...

Tenho a certeza de que o rapaz não tinha a menor ideia, enquanto ele estava a toda velocidade, afinal, ele decidiu beber e conduzir! E agora eu tenho que morrer.

Então... Porque é que as pessoas fazem isso, mãe? Sabendo que isto vai arruinar vidas? A dor está a cortar-me como uma centena de facas afiadas.

Diz à minha irmã para não ficar assustada, mãe, diz ao pai que ele tem que ser forte. Quando eu partir, escreva:

'Menina do Pai' na minha sepultura...
Alguém deveria ter dito àquele rapaz que é errado beber e conduzir. Talvez, se os pais deles o tivessem avisado, eu ainda estivessem viva...

Minha respiração está a ficar mais fraca mãe, e estou a ficar realmente com medo. Estes são os meus momentos finais e sinto-me tão desesperada... Gostaria que tu pudesses abraçar-me mãe, enquanto estou aqui esticada a morrer, gostaria de poder dizer que te amo mãe...

Então... Amo-te

Adeus...'

________________________________________
Estas palavras foram escritas por um repórter que presenciou o acidente. A jovem, enquanto agonizava, ia dizendo as palavras e o jornalista ia anotando... Muito chocado. Este jornalista iniciou uma campanha.
Se esta mensagem chegou ate ti e tu a apagares, podes estar a destruir uma boa forma de consciencializar um grande número de pessoas; fazendo com que a tua vida, TAMBÉM CORRA PERIGO!
Com este pequeno gesto podes marcar a diferença. Então, manda-a para todas as pessoas que conheces.·
Boa noite
Beijos
_______________________________________

Nota: Esta publicação fi-la, consciente de que a faço por bem. O texto foi tirado de uma mensagem que me enviaram, entendendo eu que se publicasse ficaria mais patente na memória das pessoas que a vão ler e daí poderem tirar as ilações mais consentâneas para contarem aos filhos, aos maridos ou às esposas: a toda a gente que têm de se compenetrar não só dos malefícios do álcool, quando em excesso, a viatura potente ou não, mas também os ambientes que se frequentam e os clama para o consumo excessivo do álcool que no regresso da festa, os mata.

Editado por: nicoladavid

Comments